Parabéns! Você venceu!
Resultado da partida
Tempo:
Pontuação:
:
:
Suas estatísticas
Recorde:Data:
Vitórias:Pontuação média:
Partidas jogadas:Pontuação média:
Percentual de vitórias:
Nova partida
Suas estatísticas
Selecione a pontuação
 
 
 
Um naipe
 Dois naipes
 Quatro naipes
Estatísticas básicas
Partidas jogadas:
Vitórias:
Percentual de vitórias:
Série mais longa de vitórias:
Série mais longa de derrotas:
Série atual:
Estatísticas de pontuação
Recorde:
Data:
Pontuação média por vitória:
Pontuação média geral:
Tempo e movimentos
Tempo total jogado (segundos):
Tempo médio por vitória (segundos):
Número total de movimentos:
Média de movimentos por vitória:
Média de movimentos por hora em vitórias:
Redefinir
 
Fechar
Fechar
Informações

Teclas de atalho importantes

Ativar/desativar tela cheia:F11 (maioria dos navegadores)
Desfazer movimento:Ctrl-Z
Distribuir novamente:F2
Fechar caixa de diálogo:Esc

Paciência Spider

Olá, seja bem-vindo(a) ao Paciência Spider App! Paciência Spider é um jogo de paciência popular, principalmente devido a seu nível de dificuldade, o que o torna um quebra-cabeça lógico bastante interessante. Esta versão do jogo está disponível online e é grátis para todos.

Visão geral

Como a maioria dos outros jogos de paciência, Paciência Spider é um jogo de um jogador, cujo objetivo é organizar as cartas conforme o naipe e colocá-las nas pilhas presentes na parte superior do tabuleiro. O que distingue a Paciência Spider de outras versões do jogo é que nessa variante, o jogador precisa organizar montes de cartas ordenadas no tabuleiro do jogo, e esses montes só pode ser movidos para as pilhas superiores se estiverem completos, de Ás a Rei. Isso a difere de outras versões de paciência (como Klondike ou Freecell), nas quais o jogador move as cartas para as pilhas de uma a uma, começando com os Ases. Além disso, a Paciência Spider é jogada com dois baralhos, ao contrário das variantes, jogadas com apenas um.

O tabuleiro é formado por dez montes em leque, nos quais as cartas são colocadas com a face voltada para baixo, exceto aquela no topo (ou seja, aquela não coberta por nenhuma outra, que, quando no tabuleiro, está embaixo). O jogador deve organizar as cartas por naipe e ordená-las movendo-as entre os montes. Apenas os montes de cartas organizados por naipe e ordenados podem ser movidos de uma vez. Além da regra acima, não há limites de movimento (ao contrário do Freecell, por exemplo, no qual o tamanho do monte que pode ser movido depende do número de células livres disponíveis). Juntamente com os dez montes, o tabuleiro também traz oito pilhas, posicionadas no canto superior direito do tabuleiro, e um monte de compra, localizado no canto superior esquerdo do tabuleiro.

Instruções

Regras gerais

  1. Sempre que não houver movimentos adequados disponíveis, o jogador pode virar cartas do monte de compra. Virar cartas do monte de compra acontece da seguinte forma: o jogador precisa se certificar de que não há montes de jogo vazios. Se houver um monte vazio, as cartas não podem ser viradas do monte de compra. Isso significa que é possível ficar preso em uma situação em que não haja cartas suficientes no tabuleiro para distribuir pelo menos uma em cada monte, e você não pode virar mais cartas do monte de compra se montes de jogo estiverem vazios. Tente evitar essa situação e nunca deixe o número de cartas na mesa cair para menos de dez. Se não houver montes vazios, o jogador vira dez cartas do monte de compras e coloca uma carta virada para cima no topo de cada monte de jogo.
  2. Uma carta (ou monte de cartas) só pode ser movida de um monte para outro se a carta movida (ou a carta na parte inferior do monte) for de uma ordem menor do que a carta sobre a qual está sendo colocada. O naipe dessas duas cartas não importa; no entanto, se as cartas tiverem naipes diferentes, você não poderá movê-las juntas posteriormente.
  3. Você pode colocar qualquer carta em um monte vazio.
  4. Para que um monte possa ser movido, todas as cartas precisam estar em sequência e ter o mesmo naipe.
  5. Quando você cria um monte de treze cartas do mesmo naipe, de Ás a Rei, você deve coletar essas cartas e movê-las para uma pilha no topo do tabuleiro de jogo. O jogo faz isso automaticamente.
  6. O jogo é jogado com dois baralhos, ou seja, com 104 cartas.
  7. Paciência Spider traz um sistema de pontuação distinto. Você começa com 500 pontos, e cada movimento (incluindo desfazer) subtrai 1 ponto de sua contagem. Além disso, sempre que você montar um monte completo e as cartas forem transferidas para uma pilha no topo do tabuleiro, você recebe 100 pontos. Como resultado, o objetivo do jogo é organizar todas as cartas nas pilhas com o menor número possível de movimentos. Desfazer um movimento é permitido e tratado da mesma forma que qualquer outro movimento. Desfazer movimentos é especialmente útil quando você desbrava níveis de dificuldade mais avançados.
  8. É importante sempre construir montes sequenciais, especialmente com cartas do mesmo naipe. Também é importante abrir o máximo de cartas possível - mesmo que isso possa criar montes com vários naipes. Compre cartas do monte de compra apenas quando não houver mais movimentos úteis disponíveis, ou quando os movimentos restantes irão te atrapalhar ao invés de ajudar. Por fim - e isso é muito importante para níveis avançados - limpe um dos montes o mais rápido possível. Ter um monte vazio aumenta muito sua capacidade de organizar as cartas em outros montes, pois você pode usá-lo para armazenar temporariamente qualquer carta ou monte de cartas.

O jogo é jogado em três variantes e com vários níveis de dificuldade.

  1. O Paciência Spider de 1 naipe é jogado apenas com cartas de um mesmo naipe. Esta é a dificuldade mais fácil, pois cada monte sequencial construído pelo jogador pode ser movido, e é quase sempre solucionável.
  2. O Paciência Spider de 2 naipes é mais difícil, pois é jogado com dois naipes. Normalmente, são dois naipes de cores opostas. Ou seja, um naipe é preto (paus ou espadas) e o outro é vermelho (copas ou ouros). Nesta variante do jogo, você pode organizar montes com os dois naipes disponíveis; no entanto, os montes só podem ser movidos se forem de um único naipe. Embora seja consideravelmente mais difíceis do que os jogos com apenas um naipe, jogar com dois naipes não é impossível, desde que você dedique bastante atenção e esforço.
  3. Já o Paciência Spider com 4 naipes é o mais difícil, podendo até parecer impossível - mas, eventualmente, com muita paciência e determinação, você vencerá algumas partidas. A dificuldade é proveniente do uso de dois baralhos completos, de forma que há quatro naipes para jogar. Assim como nas dificuldades mais baixas, você pode colocar uma carta, independentemente do naipe, sobre outra carta, desde que a carta de destino seja um número maior. No entanto, para construir montes móveis, você ainda precisa de cartas do mesmo naipe. Isso significa que, para qualquer carta, há apenas duas cartas dentre as 104 em jogo nas quais você pode colocá-la para construir um monte móvel. E há pouca chance de que uma dessas duas cartas esteja disponível no tabuleiro. Como resultado, um jogador perfeito só pode vencer cerca de 1 em cada 3 partidas.

Exemplo de solução

Paciência Spider tem três níveis de dificuldade. Veja um exemplo de como começar o nível de dificuldade mais fácil com sucesso, Paciência Spider de 1 naipe. Esta variante do jogo usa dois baralhos com cartas do mesmo naipe.


Com apenas 1 naipe, muitas vezes é possível fazer diversos movimentos desde o início. Neste exemplo, podemos fazer três movimentos imediatamente. Vamos mover o 4 sobre o 5, o 2 mais à esquerda sobre o 3 e o 6 mais à direita sobre o 7.

Na segunda rodada, podemos mover o monte de 2 e 3 localizados no quarto monte sobre o 4 no oitavo monte. Vamos também mover o 9 sobre o 10.

Agora, moveremos o 10 do quarto monte sobre o Valete do quinto monte. Também moveremos o monte de 9 e 10 do sexto monte sobre o Valete do sétimo monte. Por fim, vamos mover o monte de 4 cartas do oitavo monte sobre o 6 do nono monte.

Continuamos organizando as cartas. 10 do quarto monte sobre o Valete. Em seguida, movemos o 8 sobre o 9 no sétimo monte. Finalmente, movemos o 9 do oitavo monte sobre o 10 no quinto monte.

Agora, podemos fazer um grande movimento e pegar o monte inteira no nono monte e colocá-lo sobre o 8 do sétimo monte.

Infelizmente, agora já não há movimentos úteis que possamos fazer. A única coisa que resta é virar cartas do monte de compra.

Vamos limpar a bagunça criada pelas cartas recém-chegadas. O 4 do segundo monte vai sobre o 5 do décimo monte. O Valete do oitavo monte vai sobre a Dama do quarto monte. Por fim, movemos o 7 do sexto monte sobre o 8 do quinto monte.

Movemos a Dama e o Valete do quarto monte sobre o Rei do oitavo monte. Movemos também o 6 do sexto monte sobre o 7 do quinto monte.

Podemos, agora, mover a última carta do sexto monte - o Ás - e colocá-la sobre o 2 do primeiro monte. A seguir, pegamos o 10 do quinto monte e o restante das cartas acima dele e colocamos sobre o Valete do oitavo monte. Acabamos de começar a construir nossa primeira pilha completa - do Rei ao Ás.

Neste movimento, continuamos a construir nossa primeira pilha completa, colocando 5 e 4 do último monte sobre o 6 do oitavo monte. Vamos também mover o 4 do quarto monte sobre o sexto monte vazio.

Infelizmente, não é possível continuar a construir a primeira pilha completa, pois não temos um 3 disponível. Em vez disso, podemos mover o 5 do quarto monte e colocá-lo sobre o 6 do segundo monte.

Assim, podemos mover o 4 do sexto monte sobre o 5 do segundo monte. Agora, mais uma vez, há um monte vazio.

Podemos usá-lo para guardar o 2 do sétimo monte. Este 2 estava bloqueando muitos movimentos muito úteis.

Agora, podemos continuar construindo nossa primeira pilha completa. Vamos mover o 3 do sétimo monte sobre o 4 do oitavo monte.

E, finalmente, para completar nossa primeira pilha, movemos o Ás sobre o 2 do oitavo monte. O monte todo se moverá para a pilha acima.

Agora, não há movimentos úteis que possamos fazer e, portanto, a única coisa que resta é virar as cartas do monte de compras.

Agora, podemos ordenar as novas cartas. Vamos colocar o 5 do quarto monte sobre o 6 do terceiro monte. Agora, movemos o Valete e o 10 do oitavo monte sobre a Dama do décimo monte. E, finalmente, movemos o 7 do nono monte sobre o 8 do sétimo monte.

O 6 e o 5 do terceiro monte vão sobre o 7 do sétimo monte. Em seguida, movemos o monte com a Dama da décima posição sobre o Rei no quarto monte. Por fim, movemos o 2 que estava embaixo da Dama sobre o 3 do quinto monte.

Agora, o 7 do oitavo monte vai sobre o 8 do terceiro monte.

Vamos desmontar o sexto monte. Podemos colocar o Rei no monte vazio de posição oito e o 2 no monte um.

Então, concentramo-nos no monte dois. Podemos mover o Valete para o monte vazio seis, e a monte começando com o 6 para o 7 na terceira posição.

Continuamos ordenando as cartas no tabuleiro. O 2 e 3 do monte cinco vão sobre o 4 e, em seguida, movemos o 6 do segundo monte sobre o 7.

Desta vez, podemos colocar o Valete do sexto monte sobre a Dama do segundo monte e movê-los juntos sobre o Rei no monte oito.

O 6 e o 7 do décimo monte vão sobre o monte dois, e pegamos a monte da posição sete, começando com o 8, e colocamos sobre o monte vazio na posição seis.

Finalmente, podemos mover o 2 e o 3 do monte um para sobre monte sete. Observe que o tabuleiro agora parece estar ordenado. Tudo o que precisamos é um Ás para completar uma pilha. Até agora, parece que teremos um jogo fácil!

O segundo nível de dificuldade é jogado com dois baralhos: um de naipe vermelho e um de naipe preto. O nome do nível é, em geral, Paciência Spider de 2 naipes. Abaixo, um exemplo de como começar com sucesso esse jogo:


Começamos ordenando as cartas da mesma cor. Mova o 6 de Copas para o segundo monte, o 7 de Espadas sobre o 8, o Valete de Copas sobre a Dama de Copas mais à direita e o Valete de Espadas sobre a Dama de Espadas.

Agora, que o Rei de Copas foi revelado, podemos colocar a Dama e o Valete sobre ele.

Infelizmente, não há mais movimentos que organizem cartas da mesma cor, mas ainda precisamos revelar mais cartas para que tenhamos um pouco mais com o que trabalhar. Vamos guardar o 2 de Espadas no 3 de Copas no oitavo monte.

O 10 de Copas foi revelado, podemos então movê-lo imediatamente sobre o Valete de Copas no primeiro monte.

Infelizmente, não há nada útil que possamos fazer no tabuleiro agora. A única coisa que resta é virar cartas do monte de compra.

Agora, temos muitas cartas novas e muitos movimentos possíveis. Primeiro, colocaremos o 2 de Copas do monte quatro sobre o 3 de Copas adjacente. Isso libera a pilha de duas cartas de 7 e 8 de Espadas, que podemos mover sobre o 9 de Espadas no sexto monte. Em seguida, podemos mover o monte recém-criado de 7, 8 e 9 sobre o 10 no nono monte. Além disso, vamos mover o 9 de Copas do quinto monte para o segundo monte.

Agora que a Dama foi liberada, podemos colocá-la sobre o Rei de Copas.

Novamente, não há mais movimentos úteis restantes no tabuleiro, então precisamos virar mais cartas do monte de compras.

O tabuleiro fica um pouco confuso, mas não tenha medo! Resolveremos essa bagunça. Vamos começar movendo o 7 de Espadas do quinto monte sobre o 8 de Espadas adjacente, e então mover ambos sobre o 9 de Espadas no segundo monte. O 5 de Copas no monte quatro acaba de ser liberado, então podemos movê-lo para o monte 3 e colocá-lo sobre o 6 de Copas que está ali. Finalmente, vamos mover a Dama do sexto monte sobre o Rei no oitavo monte.

Nesse momento, podemos colocar o 6 do quarto monte sobre o 7 do segundo monte. Em seguida, moveremos toda o monte de quatro cartas sobre o 10 de Espadas no sexto monte.

Um movimento possível é mover o 5 de Copas do monte nove para o monte seis, e então mover todas as cartas, começando com a Dama de Espadas, do monte nove para o quatro. Isso revelará uma carta, mas também desordenará o monte seis. É totalmente válido fazer esses movimentos para descobrir o que acontece - se eles não forem úteis, podemos desfazê-los. Isso ocorre porque a pontuação na Paciência Spider depende do número de movimentos, e o número de desfazer utilizado é contado como movimento - portanto, são completamente legítimos. Nesse caso, a melhor coisa a fazer é retirar cartas do monte de compra.

Novas cartas e novos movimentos! Vamos começar coletando o 3 de Espadas e o 4 de Espadas dos montes três e cinco, e então colocá-los sobre 5 do monte um. Similarmente, podemos pegar o Ás e o 2 do sexto e sétimo montes e colocá-los sobre o 3 do monte oito. Isso libera o 5 no monte 7, que podemos então colocar sobre o 6 do quarto monte.

Agora, podemos colocar o 5 e o 6 do monte quatro sobre o 7 do monte sete. Além disso, vamos mover o conjunto de cartas começando com 10 no sexto monte sobre o Valete de Espadas no monte nove. Como agora estamos sem opção de movimentos da mesma cor, podemos tentar revelar algumas cartas colocando o 3 de Copas do monte cinco sobre o 4 do monte dois.

Coloque o 3, 4 e 5 do monte um sobre o 6 do nono monte. Mova o 8 sobre o 9 no monte dez.

E, agora, há outra combinação de movimentos! Primeiro, vamos mover o 5, 6 e 7 do sétimo monte sobre o 8 do monte cinco, coletá-lo e, em seguida, mover o conjunto todo sobre o 9 do monte seis. Usaremos o outro 7 no sétimo monte para colocar o 5 e o 6 do monte três. Em seguida, moveremos essas três cartas para o 8 de Espadas no monte dez.

Finalmente, teremos uma coluna vazia! Isso é muito importante, pois uma coluna vazia pode ser extremamente útil, já que podemos colocar qualquer carta sobre ela. Em breve, vamos utilizá-la para organizar mais cartas como quisermos. Mas primeiro, temos que chegar lá. Então, vamos colocar a Dama sobre o Rei no monte um. Vamos também mover o Ás do monte sete para o 2 no terceiro monte.

Primeiro, usamos nosso monte recém-vazio para fazer outro monte vazio. Ou seja, moveremos o 5 de Espadas.

Vamos nos concentrar no segundo monte. Primeiro, movemos o 3 para o 4 do monte sete, coletamos as duas cartas e as movemos para o 5 do monte seis. Em seguida, mova o 4 recém-liberado para o 5 no monte cinco.

Agora, vamos nos concentrar no monte nove. Primeiro, podemos mover o conjunto, começando com o Valete de Espadas, sobre a Dama no primeiro monte. Em seguida, movemos o 5 de Copas para o monte vazio sete. Finalmente, vamos mover o conjunto, começando com a Dama de Espadas, sobre o Rei no monte quatro.

Queremos construir uma pilha completa no monte quatro. Para fazer isso, vamos pegar 4 e 5 do monte cinco, colocá-los no 6 do nono monte, coletar toda o conjunto de três cartas e colocá-las no 7 do monte quatro.

Mova o conjunto do monte quatro para o quinto monte. Além disso, mova o 5 do monte sete para o 6 do monte nove e, a seguir, mova ambas as cartas de volta para o monte sete.

Finalmente, podemos terminar de construir nossa primeira pilha completa. Para isso, precisamos pegar o Ás recém-liberados no monte quatro e colocá-lo sobre o 2 do monte nove, coletar as duas cartas e movê-las para o primeiro monte e, em seguida, pegar o subconjunto de Ás, 2 e 3 e movê-los para o monte cinco. Nossa primeira pilha completa está pronta!

Agora, podemos mover o 8 do monte quatro e colocá-lo sobre o 9 do monte dois. Em seguida, podemos pegar o 8, 9 e 10 do monte dois e colocá-lo sobre o Valete do monte nove.

Observe que agora temos dois montes vazios! Estamos virtualmente indestrutíveis e será difícil perder o jogo agora. Podemos continuar movendo o 6 e o 7 do segundo monte para o 8 do nono monte.

Olha que lindo esse tabuleiro! Você tem ideia do que fazer a seguir? Você consegue descobrir como conseguir três montes vazios?

O modo de jogo mais difícil é jogar com dois decks completos - ou seja, com quatro naipes. Este nível de dificuldade é para jogadores realmente bons, então decidimos não incluí-lo neste tutorial para principiantes. Você terá que descobrir como jogar Paciência Spider de 4 naipes sozinho!

Histórico

A Paciência Spider surgiu em 1947, quando foi jogada pela primeira vez com (advinha, advinha!) cartas de verdade, e não em um computador. Há rumores de que a Paciência Spider era o jogo de paciência favorito do presidente Roosevelt. O jogo sempre foi muito popular graças à sua dificuldade e potencial de pensamento e análise estratégica. Suas primeiras implementações em computador apareceram no início de 1990 com o sistema operacional Microsoft Windows 3. Uma versão Unix foi desenvolvida ainda antes (em 1989), mas não ficou tão popular. Desde então, a Paciência Spider vem com a maioria das principais distribuições de sistemas operacionais, com as versões mais populares sendo aquelas que vêm incluídas no Windows 7 e XP. Esta versão online da Paciência Solitaire é inspirada por essas iterações.

Fechar